“Nunca espere a felicidade como se espera por uma pizza ou pelo próximo verão. Não se renda ao fracasso de ser quem aguarda, quem depende, quem se resigna. Não façamos isso com nossas curtas e preciosas existências, somos bem mais que algumas lágrimas e perdas. Somos também o riso, e a surpresa de saber que o mundo não se acaba junto com o amor de alguém ou o efeito de uma droga boa. Somos metade do mundo, um pouco da droga, parte de tudo. Ligados diretamente nessa rotina universal que nos obriga a inventar saídas e atalhos pelo impulso cínico da sobrevivência.”
Sean Wilhelm.  (via poetaciumenta)

“As pessoas não se apaixonam muito hoje em dia. Elas preferem estudar, ganhar dinheiro e viver outras experiências. Faça uma enquete rápida e concluirá que quase ninguém crê no amor. Quando mais você sabe da vida, menos você se apaixona. A paixão nasce da ignorância: quanto menos sei sobre você, e mais eu quero saber, mais vulnerável eu fico. Só que atualmente ninguém mais quer saber de ninguém, além de si mesmo. Todos uns cínicos.”
Gabito Nunes.   (via poetaciumenta)